quarta-feira, 13 de abril de 2016

MInha vida sem Lactose - A viagem










No mês de março fiz uma viagem para os EUA. Foi a primeira viagem para o exterior  com  restrição a lactose. Fui na grande expectativa de encontrar bastante opções por lá.
Para começar esqueci de levar pelo menos um biscoitinho  para o aeroporto, caso não pudesse comer algo no avião, já que acabamos esquecendo de pedir uma comida especial, mas também não sei se teria. Achei no aeroporto um biscoito sem lactose que gosto, comprei um pacote para me prevenir.
No avião na hora do jantar tudo beleza tinha opção  que não tinha lactose. Quando chegou o café da manhã, veio  croissant e não tinha certeza de leite, e manteiga, achei melhor não consumir, então fiquei no suco de laranja e aquela minúscula geleia de frutas de passar no pão e nessa hora aquele biscoito que comprei no aeroporto me salvou.
Nos primeiros 4 dias ficamos na casa de amigos em Washington o que me facilitou o café da manhã que tomava em casa. Levei minhas enzimas  para  poder comer algo que me desse vontade, e valesse a pena. Mas não usei todo dia não. Sempre nos restaurantes nas escolhas dos pratos ficávamos perguntando sobre os ingredientes, e as vezes perguntando se poderia vir sem queijo  como por exemplo. Quando fomos para Nova York começou a saga do café da manhã. Comi ovos mexidos, omelete, mas confesso que já estava enjoando de ovo. Perguntamos nas padarias se tinha um pão nolac, sem lactose e para minha surpresa não encontramos nada. Vi um bagel que parecia delicioso, meu marido comeu e eu provei resolvi tomar a enzima por via das dúvidas e comer.  Optava em tentar não tomar logo a enzima no café da manhã pois teria o dia todo ainda na rua . Nas farmácias que entrei procurei biscoitos sem lactose e daí foi importante a leitura dos rótulos e como eles fazem lá que facilita bastante, veja o post aqui .  Dessa vez não consegui ir nos grandes mercados como Walmart e Target. Mas onde procurei tive dificuldade de encontrar produtos  sem lactose, vi até alguns gluten free. Me decepcionei um pouco confesso. Tudo bem que não deu tempo de  fazer uma pesquisa antes sobre os lugares e onde encontrar produtos. Mas esperava muito mais por lá.
Fácil não foi, mas também nada de muitas impossibilidades. A enzima me salvou bastante e pude usufruir de várias delícias imperdíveis. E vocês  em suas viagens já passaram por apertos por não achar nada sem lactose?. Espero vocês aqui para saber mais.

4 comentários:

  1. Sempre hehehehe sempre passo aperto por isso, mas agora aprendi a levar minha marmita para todos os lugares hehe
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Previnir é a melhor coisa,,rss bjs e obrigada

      Excluir
  2. Nossa Ana, também imaginei que esse tipo de coisa fosse mais fácil por lá,não achava que seria tão restrito. Ainda mais em NY né? Acho que os estabelecimentos ainda estão meio crus nesse assunto, acho que com o tempo melhora.
    Beijos
    http://www.rabiskos.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Achei que ia me dar muito bem, mas enfim há de melhorar,,rss bjs obrigada

      Excluir